Não podemos esquecer do rato

Tem uma frase de Walt Disney que diz assim: "Eu apenas espero que nós não percamos de vista uma coisa - que isso tudo começou por um rato."

Essa frase é cheia de significado para mim. Primeiro, é um alerta pra gente nunca esquecer de onde começou. Porque quando alguém perde a conexão com a sua origem, com suas raízes, esquece o que o impulsionou a seguir e pode se perder ao longo do caminho.

Segundo, me faz lembrar que as coisas sempre podem ser simples. Eu já li que as pessoas têm a tendência de tornar os problemas complexos. Que isso é da natureza humana, pois se alguma coisa tiver uma simples solução, as pessoas se sentirão obrigadas a tomar uma atitude, e lá no seu íntimo, o ser humano não é programado para tomar uma atitude. A gente tem uma inclinação pela acomodação. A inércia é simplesmente a opção mais fácil.

Quando a gente encontra uma solução, acaba sendo obrigado a mudar, e mudar pode ser apavorante. Não decidir é tomar a decisão de ficar exatamente onde está, por isso muita gente acaba tornando seus problemas maiores do que realmente são, mesmo inconscientemente. Assim, pode prolongar o tempo de decisão... e de inatividade. 

Acredito que a melhor decisão, aquela que você dificilmente vai se arrepender, é aquela que intuitivamente representa você. Aquela que no fundo, você sabe qual é, por mais que esteja inseguro para assumir.

Assim, quando percebo que o processo de decisão está ficando complexo e doloroso demais, lembro da analogia do ratinho: o caminho deve ser simples e instintivo, como se fosse para ser percorrido por um rato. 

Simples assim.

Bj bj!


"I only hope that we don't lose sight of one thing - that it was all started by a mouse". (Walt Disney)

Tem uma frase de Walt Disney que diz assim: "Eu apenas espero que nós não percamos de vista uma coisa - que isso tudo começou por um r...

Dá para comer bem e barato na viagem para a Disney ?


Ok, você já está com tudo resolvido para a sua viagem à Disney: visto, passagens compradas, hotel reservado, ingressos dos parques, seguro de viagem... Tudo certo. Ou se ainda está planejando, fazendo conta para saber quanto fica uma viagem dessas, pelo menos já conseguiu pesquisar e ter uma ideia desses custos. Mas tem um item importante que fica difícil estimar: os gastos com alimentação!

Você está de férias e em geral, nas férias, a gente quer comer bem, né ? Pra mim, comer bem é parte da diversão! Mas dá pra comer bem e barato numa viagem para a Disney ? 

Em Orlando, a gente encontra opções para todos os gostos e gastos. Desde restaurantes com chefs renomados a refeições com personagens ou temáticas, que são mais caras, até simplesmente comprar um congeladinho no Walmart, que também é uma delícia. Então, vamos falar aqui das opções para você gastar pouco em alimentação, sem abrir mão de comer bem e sem se render ao fast food durante toda a viagem.

Vamos às dicas ?

Compre no mercado o que puder (e quiser)

Walmart, Target, Publix e tantos outros mercados têm seções inteiras de congelados, muitos deles em porções individuais, para cada um escolher o seu. Algumas opções são tão saborosas que nem parecem comida congelada. Para se ter uma ideia, tem porções de macarrão a bolonhesa, macarrão com queijo, lasanha, strogonoff com arroz, ensopadinho de carne, e outras, por US$ 2. Isso mesmo, dois dólares cada prato. Uma família de 4 pessoas pode comer bem por menos de 10 dólares. Assim, se você tiver uma cozinha no seu hotel ou pelo menos um microondas, você pode jantar em casa alguns dias. Vou te dizer que muitas vezes o cansaço do dia nos parques dá uma preguiça de sair para jantar, que comer em casa cai bem demais. Principalmente com crianças.

O mesmo vale para o café da manhã. Comprar os itens do café da manhã e começar o dia em casa é uma opção econômica e que agrada a nós, brasileiros, que gostamos de um pão com manteiga, um queijinho e tá de bom tamanho. Compre seu café da manhã e prepare como se estivesse em casa. 

Tem diversos embalados de frutas já cortadinhas e prontas para comer, que são excelentes opções não só para o café da manhã como também para levar lanche para os parques, além de sucos de caixinha e sanduichinhos. Não fique acanhado, muita gente leva lanches para os parques, e isso é ainda mais comum entre os americanos, viu ? 

Tire um dia para um café da manhã americano (e almoço)

Os americanos adoram aqueles cafés fartos, com ovos, bacon e tudo mais, que é como um brunch. Diversos restaurantes oferecem opções, que são como um café-almoço. IHOP, Denny's e Perkins são os meus preferidos e você com certeza vai encontrar um perto de você, porque tem muitos restaurantes destas franquias espalhados por Orlando. 

Tomar um café da manhã fora é legal para ter essa experiência de um café tipicamente americano e custa de US$ 10 a 15. Se você pensar que come o suficiente para contar como café e almoço, vale a pena. Nos links dos restaurantes, acima, você acessa os cardápios e preços. 

Procure opções boas e baratas dentro dos parques

Nos parques, tem restaurantes top, mas também tem opções mais simples, onde você pode selecionar uma refeição sem precisar comer só hamburguer, hot dog e batata frita. Para dar uma dica, selecionei algumas refeições nos parques Disney até US$ 15.

Confira a localização desses restaurantes nos mapas dos parques ou no aplicativo My Disney Experience (MDE), onde você consegue consultar também o cardápio completo e atualizado, com os preços. 

MAGIC KINGDOM

Columbia Harbour House 
Sugestões: Salmão grelhado servido com arroz e legumes; combinação de camarão frito, nuggets de peito de frango empanados e peixe empanado, servidos com bolinhos de milho e opção de vagem e cenoura ou batata frita; Macarrão com queijo.

Pinocchio Village Haus
Sugestões: Macarrão penne com frango e queijo parmesão; Macarrão penne à marinara.

Cosmic Ray's Starlight Café
Sugestões: carne suína assada e desfiada com batata frita; salada grega com frango.

EPCOT

Sunshine Seasons
Sugestões: Frango assado com arroz amarelo e feijão-preto; Lombo suíno assado, servido com purê de batatas, milho na espiga e molho de churrasco da casa; Salada Ceasar com frango grelhado; Sanduíche de peito de peru com salada de batata.

Lotus Blossom Café
Sugestões: Frango ao molho de laranja com arroz; Macarrão com carne bovina (tipo yakisoba); guiozas e rolinhos primavera.

HOLLYWOOD STUDIOS

ABC Comissary
Sugestões: Travessa de peixe e camarão com batata frita rústica e salada de repolho; Peito de frango grelhado em uma cama de mix de folhas verdes, servido com pão achatado (parece uma pizza). 

Backlot Express
Sugestões: frango frito com biscuit (combinação típica americana que vale experimentar) e sanduíche de frango Califórnia, com guacamole.

PizzeRizzo
Sugestões: Pizzas (de carne, queijo, pepperoni ou vegetariana) ou baguete de almôndegas, com queijo provolone. 

ANIMAL KINGDOM

Satu'li Canteen
Sugestões: Tigela de carne bovina fatiada e grelhada, Tigela de frango grelhado à lenha (Coxas de frango) ou Tigela de peixe sustentável (peixe empanado), todas cobertas com salada crocante de legumes e servidas com a sua opção de base (salada de vegetais, arroz com grãos ou purê de batatas).

Restaurantosauros
Sugestões: wrap de peru; frango grelhado com mix de folhas.

Yak and Yeti Local Foods Cafe
Sugestões: Frango com gergelim e mel e arroz; Wrap asiático de frango; Tigela de carne com molho teriyaki e arroz; Salada de frango com gengibre.

Peça prato infantil na Disney

Se você queria conhecer um restaurante um pouco mais legal na Disney, mas não tá querendo deixar a carteira toda lá, uma opção é pedir o prato infantil. Na Disney (diferente de outros restaurantes), adultos podem pedir prato infantil numa boa. É Disney sendo Disney e respeitando a opção do convidado. 😍

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Essas e outras dicas sobre a Disney você encontra no Guia Disney Mala da Kinha 2019. Clique no banner e faça o download da versão de cortesia ! Vai lá! Guia Disney grátis, mas por tempo limitado !

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Restaurantes bons e baratos fora dos parques

Tem alguns restaurantes que já são queridinhos dos brasileiros porque são opções saborosas, com preços justos e porções generosas.

Oliver Garden: este restaurante italiano é maravilhoso. Além das massas deliciosas, também serve opções com carnes, frango e frutos do mar, então, é fácil de agradar a todo mundo. Dá para dividir o prato para dois, pois as porções são bem caprichadas (e baratear a refeição, né ?). Se você disser que irá dividir, eles já trazem as porções em pratos separados.

Além disso, na entrada vem uma salada que todo mundo que eu conheço ama e um pãozinho delicioso. Sinceramente, dá vontade de ir lá só pra comer a salada e o pão! Ah se pudesse... rsss 

Miller's Ale House: típico restaurante americano, com muitas opções de carnes, inclusive uma costela ao molho de barbecue maravilhosa. As porções também são ótimas para dividir, mas, além disso, o restaurante oferece promoções imperdíveis, por exemplo, preços reduzidos para refeições até as 16h e às terças, crianças não pagam. Planeje sua ida após conferindo as promoções no site.

Pollo Tropical: que tal frango frito com arroz e feijão ? E é feijão preto mesmo! Pois o Pollo Tropical traz pratos feitos deliciosos à base de frango, a preços muito bons! Coloca na sua lista e vai lá conferir.

Pra chutar o balde (porque ninguém é de ferro!😅)

Beleza, mas tem dia que a gente quer mesmo meter o pé na jaca e comer uma super fast food. Quer saber onde comer bem com um precinho ?

Cicis Pizza Buffet: buffet livre de pizzas, massas e calzones, para comer à vontade ao preço de US$ 7. É simples, mas saboroso. E por este preço, vale muito a pena.

McDonald's: dispensa comentários, né ? Mas a diferença aqui é que tem opções de sanduíches de US$ 1,50 !

Five Guys: se a opção é um hamburguer memorável, a dica é o Five Guys. O hamburguer e a batata frita aqui são realmente um dos melhores que já comi. A dúvida é se é melhor que o Shake Shack, que eu também recomendo muito.

Popeye's: esta é uma franquia de frango frito típica americana, com porções gigantes. Compramos um combo que veio com um baldão de frango frito (uma delícia), saladinha de repolho, biscuits (um pãozinho que parece caseiro) e um galão de limonada. Fartura a um precinho... Ficamos dias sem querer ver frango de tanto que comemos! kkkk Mas que estava gostoso, ah, isso tava...

Enfim, dá para comer bem e barato numa viagem para a Disney ?

Tem uma máxima que diz que uma boa previsão é considerar um gasto médio de US$ 50 por dia com alimentação. Eu concordo. Um dia a gente até pode extrapolar um pouco, ir num restaurante mais carinho, mas no dia seguinte, gasta menos, e no final, essa média é bem adequada para se planejar. 

Essa é a previsão mais econômica ? Com certeza, não. Cada família pode ir compondo com essas dicas e comer um congeladinho em casa uns dias, um jantar na promoção do Miller's Ale House, dividir um prato no Oliver Garden, uma refeição mais barata no parque, pizza na Cici's, ... Garanto que sabendo escolher e com jogo de cintura, dá para tornar os US$ 50 em vez de a previsão por pessoa em média para o casal... Que tal ?

Bj bj! 

Ok, você já está com tudo resolvido para a sua viagem à Disney: visto, passagens compradas, hotel reservado, ingressos dos parques, s...

Construa a sua barreira

Walt Disney já era um cineasta premiado quando construiu a Disneyland, na Califórnia. Sua veia cinematográfica o levou a imprimir o mesmo cuidado de dirigir os elementos que seriam vistos pelos convidados ao entrarem no parque e o que não poderia ser visto para não comprometer a percepção do seu “filme-vivo”. 

Quer um exemplo ? Um fato que pouca gente percebe é que a Disneyland é cercada por uma barreira, um acostamento que impede que o que está acontecendo do lado de fora seja visto por quem está dentro do parque. Essa barreira no entorno consegue isolar o parque da cidade de Anaheim, embora a apenas duas quadras dali tenha rodovia, hotéis, comércio e todos os elementos de uma cidade desenvolvida. 

Walt Disney queria realmente fazer com que as pessoas estivessem com a atenção voltada para onde estavam. E conseguiu. A ausência do mundo exterior é o que realmente possibilita mergulhar na fantasia e faz toda a diferença para a experiência dentro do parque. 

A barreira de Walt nos ensina a proteger o que realmente deve ser visto para não deixar que nada atrapalhe a nossa experiência. Às vezes, a gente acaba sufocado por sapos engolidos, por situações que a gente aceita por receio de ser mal compreendido ou de gerar desconforto com outras pessoas, por medo de ser julgado, mas na verdade a recusa não tem a ver com os outros, mas com nós mesmos. A gente precisa construir a barreira para isolar o que é importante na nossa experiência de vida. É essa seleção que direciona nossos valores e que cria nossa identidade.

Você já deve ter ouvido dizer que as coisas mais importantes nem sempre são as que gritam mais alto. Isto é totalmente verdadeiro. Muitas vezes, o que grita não é o que fala ao coração. E ninguém, além de nós mesmos, sabe o que é preciso proteger.

Quando a gente absorve tudo que se apresenta, está demonstrando que tudo tem igual importância. Quando tudo tem importância, nada tem. Onde está o sentido disso? 

Construir a sua barreira emocional em torno do que é realmente relevante é o que vai fazer a diferença na sua vida. Descubra as razões que estão por trás daquilo que você busca alcançar e cerque o que não pode sofrer interferências do mundo exterior. Só assim você poderá dizer não ao que deve ficar fora da sua experiência e se manter fiel a si mesmo. 


Bj bj!

Walt Disney já era um cineasta premiado quando construiu a Disneyland, na Califórnia. Sua veia cinematográfica o levou a imprimir o mesmo ...