O poder da oração

Muitas vezes a gente esquece a oração. Estamos tão cansados da correria do dia que nos jogamos na cama e esquecemos de agradecer a Deus. Estamos ansiosos com um projeto importante no trabalho, com uma mudança de emprego, com uma nova oportunidade e esquecemos de colocar nas mãos de Deus. Ou estamos tão desesperançados e cheios de angústias e preocupações  que simplesmente nos recusamos a dedicar algum tempo em oração, pois não acreditamos mais num milagre. Queremos simplesmente esquecer o mundo à nossa volta e dormir é a nossa fuga.

Nessa hora, temos que lembrar da passagem de Daniel na cova dos leões (Daniel 6).  A Bíblia conta que o rei Dario tinha constituído 120 presidentes sobre o reino e acima deles 3 príncipes. Daniel era um dos três príncipes do reino e era tao excelente no que fazia que o rei planejava constituí-lo acima de todos no reino. Portanto, Daniel tinha grandes responsabilidades no reino e era um profissional dedicado, era excelente no que fazia. Apesar de todas as demandas que sua posição deveria exigir, Daniel achava tempo para orar. A Bíblia diz que ele se punha de joelhos e orava 3 vezes ao dia.

Os demais príncipes e presidentes tentavam encontrar uma forma de "queimar" Daniel, mas não encontravam, porque ele era fiel e íntegro. Então, eles perceberam que a única forma seria fazendo algo que fosse contra a sua devoção a Deus. Assim, convenceram o rei a criar uma lei que dizia que durante 30 dias se alguém fizesse qualquer petição a qualquer Deus ou homem e não ao rei, seria lançado na cova dos leões.

Daniel continuou orando 3 vezes ao dia em sua casa, mas estava sendo vigiado e como as janelas do quarto estavam abertas,  foi pego infringindo a lei. O rei se compadeceu dele, mas foi pressionado e teve que fazer valer a lei.  E assim, Daniel foi jogado na cova dos leões.

Na manhã seguinte, o rei foi logo cedo à cova dos leões e chamou por Daniel. "Daniel, servo do Deus vivo! Teria o teu Deus podido livrar-te dos leões ?". E Daniel respondeu: "Ó Rei, vive para sempre! O meu Deus enviou um anjo e fechou a boca dos leões, para que não me fizessem dano, porque foi achada em mim inocência diante dele; e também contra ti, ó Rei, não tenho cometido delito algum."

O rei se alegrou e retirou Daniel da cova, e lançou nela todos aqueles que tentaram prejudicá-lo. Estes não foram poupados pelos leões.

A história de Daniel nos traz uma lição grandiosa: a vida de orações não impede que você seja jogado na cova dos leões. Porém, a vida de oração fecha a boca dos leões. A vida de orações salva.

Ore para reedificar. Seja qual for o problema, entregue a Deus. Quando não houver problema, agradeça a Deus. Quando você tem uma vida de oração, Deus te dá orientação, discernimento e salvação. Você pode estar atravessando uma grande prova, mas Deus envia anjos para ajudar. Essa semana, Deus me mostrou mais uma vez isso.


Kinha
Kinha

A bagagem de uma mulher, esposa, mãe, executiva e viajante, com um pouco de tudo e muito de nada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esse espaço é seu... Deixe seu comentário e vamos conversar!