Dicas de viagem: Búzios - RJ

Se você está esperando que eu fale sobre a badalação na Rua das Pedras e o glamour da orla Bardot, esqueça... Vamos falar de Búzios, mas não aquela Búzios que todo mundo conhece, que se transforma depois que o sol se põe e oferece o melhor da vida noturna e da gastronomia. Vamos falar de Búzios para quem está fugindo do agito e quer um pouco de privacidade e tranquilidade para aproveitar com crianças.

Vamos para a Praia dos Tucuns!

A praia dos Tucuns fica perto de Geribá, mas parece esquecida. Tem um quê de rústica, com vegetação rasteira típica de restinga e areia rosada. Com larga faixa de areia, é ótima para caminhar, correr e jogar com as crianças nos seus 2,5 km de extensão. Apesar de ser uma praia de mar aberto, cujas ondas atraem os surfistas, Tucuns tem uma faixa de praia rasa que a torna excelente para crianças. Quase não tem infraestrutura. Os poucos quiosques ficam no canto esquerdo da praia. Sem quiosques, sem barracas, sem tumulto, sem barulho. Somente o som das ondas. Deu pra entender por que parece um que você não está em Búzios ?


No centro da praia de Tucuns fica o Blue Tree Búzios. Se estar em Tucuns já é ótimo, ficar em Tucuns no Blue Tree é demais!

O Blue Tree Park Búzios Beach Resort é novo, bonito, bem cuidado e tem uma equipe super acolhedora. As recepcionistas, o rapaz que cuida das bagagens, a equipe do restaurante, o rapaz do bar de toalhas, os recreadores, enfim, todos com os quais tive algum contato no hotel foram super educados e atenciosos.

Ficamos numa suíte standard, bastante espaçosa, com duas camas king size, sofá e mesa com duas cadeiras. Tinha uma varanda, que ficava de frente para a piscina. Se a standard nos acomodou super bem, imagino as superiores!



A piscina é enorme e ramifica-se por entre os blocos. Em volta dela, muitas espreguiçadeiras. Muitas mesmo! Parece até que tem espreguiçadeira para todos os quartos. Você pode ficar tranqüilo porque vai encontrar um lugar para sentar à beira da piscina, sem precisar madrugar ou disputar com outros hóspedes.



O hotel tem SPA e academia bem equipada, kid´s club aberto o dia inteiro, trapézio para acrobacia, inclusive para crianças, arena esportiva com pista de skate, mini-golf, quadras de futebol, tênis e vôlei. Além disso, tem três pistas de boliche, que você pode reservar para jogar com a família, e uma área de games, com monitores e diversos jogos eletrônicos, além dos jogos tradicionais, como sinuca, ping-pong e totó. Tem também uma programação noturna, bem familiar, que vai do karaokê ao bingo. No período de festa junina, rola a festinha do Blue Tree, com direito a barraquinhas e forró pé de serra.

O hotel tem três restaurantes: o principal, onde é servido o café da manhã e o buffet das demais refeições, um restaurante japonês, ao lado, e um italiano. No fim de semana que estivemos, somente o restaurante principal funcionou. Já estive em resorts do estilo all inclusive em que as opções no restaurante eram mais variadas. Além disso, a reposição das refeições principais não era boa, às 20h o buffet já estava com aspecto de "fim de festa" e às 20h30 as sobremesas já estavam na "raspa do tacho". Mas não tenho o que reclamar do café da manhã. Você pode fazer a reserva para pensão simples (somente café da manhã) ou completa (todas as refeições incluídas). A vantagem da pensão simples é que você pode aproveitar a gastronomia da cidade e, se quiser fazer alguma refeição no hotel, pode pagar à parte, porém, não aconselho, porque no final fica muito mais caro do que fechando a pensão completa ou mantendo a decisão de comer fora.

E por fim, vamos falar da praia! A areia da praia começa a poucos passos da extremidade da piscina do hotel. Barracas e espreguiçadeiras estão à sua espera. A praia é quase deserta, bem diferente das praias do Rio de Janeiro ou mesmo outras de Búzios, em que você disputa um pedacinho de areia. Melhor impossível, não é ?



Se você quer curtir uma praia tranquila e ao mesmo tempo descansar, o Blue Tree Búzios é uma excelente opção. Eu reservei através de uma promoção no Hotel Urbano, então, valeu mais à pena ainda! 

(Realização da viagem: julho/2013)
Kinha
Kinha

A bagagem de uma mulher, esposa, mãe, executiva e viajante, com um pouco de tudo e muito de nada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esse espaço é seu... Deixe seu comentário e vamos conversar!