Reencontro de final de ano

Duas amigas se encontram pra aquele cafezinho de final de ano, tradição que repetem há mais de 10 anos. Hora de atualizar os acontecimentos de um ano inteiro, já que a vida corrida mal permitiu que se encontrassem durante o ano...

- E aí, menina! Que saudade! Quais são as novidades ?
- Menina, separei...
- Eu sei. Vi sua mudança de status no Facebook.
- Mas tô bem...
- Até demais, né ? Vi que já tá até namorando...
- Pois é...
- Não quero me meter não, mas homem bonito e solteiro com mais de 40, algum defeito tem... Mas mudando de assunto, o que tem feito de bom ?
- Tirei ferias mês passado. Levei as crianças na Disney!
- É, eu vi. Não sei como você tem paciência pra ir naquele monte de parques.
- Ah! Eu gosto... E as crianças adoraram...
- Mas me conta as novidades!
- As crianças passaram de ano.
- Ahamm... Eu vi seu post.
- São tão inteligentes! Notas excelentes!
- Nessa idade ainda é mole. Espera chegarem no sexto ano pra ver como é...
- Bem...
- Elas estão em casa ? Ah não! Lembrei que foram pra casa da sua mãe. Tava lá no seu Face...

Breve silêncio... Procurando assunto...
Olham pro café...

- Esse café tá maravilhoso! Vou postar!

As duas pegam os celulares. Enquanto uma posta, a outra olha a hora...

- Xiiiii... Tenho que ir... Preciso buscar as crianças na casa da minha mãe...

- Menina, bom demais saber de você! Não vamos deixar demorar mais um ano pra gente colocar o papo em dia...


Duas amigas se encontram pra aquele cafezinho de final de ano, tradição que repetem há mais de 10 anos. Hora de atualizar os acontecimentos...

Saudade de mim

Hoje eu acordei com saudade de mim. 
Saudade do sorriso espontâneo e daquela gargalhada de envergar o corpo pra frente e perder a firmeza das pernas. 
Saudade de apreciar o vasto mundo ao alcance da minha janela. 
Saudade de prestar atenção no canto dos passarinhos ainda na cama. 
Saudade de correr com as crianças com os pés descalços na grama.
Saudade de andar na rua sentindo o ar nos pulmões e o vento na cara. 
Saudade de cantar as minhas músicas favoritas no carro sem me consumir quando o trânsito pára. 
Saudade de esquecer o relógio e os compromissos na agenda do smartphone. 
Aliás, saudade de não ter um smartphone e da minha casa ser unicamente home. Sem office. 
Saudade de silenciar os pensamentos pelo menos por alguns minutos. Shhhh... 
Saudade de me lançar num abraço sem pressa de deixar. 
Saudade de lembrar de ser grata por simplesmente acordar. 

Enfim, saudade de mim... 
Se você souber onde me escondi, avisa que eu tô me procurando com urgência. 


Hoje eu acordei com saudade de mim.  Saudade do sorriso espontâneo e daquela gargalhada de envergar o corpo pra frente e perder a firmez...

T-REX: curta uma viagem à era dos dinossauros neste restaurante temático em Orlando!


O T-REX Café é um restaurante temático que fica em Disney Springs (ex- Downtown Disney), em Orlando.  Pelo nome, já dá pra adivinhar o tema, não ? Lá você vai viajar no tempo para a era do dinossauros!


O restaurante é todo decorado com animatrônicos de várias espécies de dinossauros. Para quem tem filho que adora dinossauro como eu, é o máximo!




















Só o visual do T-Rex já é um espetáculo. Agora imagina só que de repente começa uma chuva de meteoros e os dinossauros começam a se movimentar e emitir sons, como se estivessem fugindo para se proteger do risco de extinção... Luzes e som completam essa cenarização ! É super legal!

Quem conhece o Rainforest Café, vai associar os restaurantes, pois a dinâmica é basicamente a mesma, só que aqui é uma chuva de meteoros, lá é a chuva na floresta. Mas não para por aí... Olha só esse aquário! No Rainforest você vê aquários bem parecidos. Não é à toa que existe tanta semelhança, pois os restaurantes pertencem ao mesmo grupo.


Além da ambientação, a comida do T-Rex é super gostosa e bem servida, cozinha tipicamente americana, com muitas opções de carne (costela com molho BBQ, frango, carne, hamburgueres), acompanhadas por deliciosas batatas fritas (elas têm sabor especial)! Também tem opções de massas, frutos do mar, etc. Se quiser já ir analisando o cardápio do T-Rex, esse link oficial da Disney não só tem as opções como também os preços. O preço da refeição completa varia entre US$ 15-30 por adulto.

Um prato dá perfeitamente para ser dividido, pelo menos, entre um adulto e uma criança. Já dividi com meu marido, para as crianças ficarem com prato infantil, e foi a medida para nós dois também. É claro que se você perguntar, dificilmente os atendentes vão recomendar, não exatamente para vender mais um prato, mas porque americanos comem bem mesmo (rssss). A minha sugestão é pedir, ver a porção, e se for insuficiente, pedir uma segunda enquanto estão saboreando a primeira. Assim, você evita o desperdício.

Sem contar que você tem que deixar uma "reserva técnica" para o Chocolate Extinction, a famosa sobremesa do T-Rex. Um mega bolo de chocolate delicioso, com sorvete e calda de camarelo. Difícil descrever! Só provando! Mas atenção: peça um só para a família. O próprio cardápio já tem a indicação de que é suficiente para quatro!


Você pode reservar sua refeição no T-Rex diretamente pelo site da Disney (reservar o T-REX no site da Disney) ou pode pedir uma mesa na chegada, diretamente no balcão da entrada do restaurante. O risco é que dependendo da época você pode não conseguir, pelo menos nos horários mais concorridos para refeições. E ficar esperando na fila com fome, sinceramente, não rola...


O T-Rex é um restaurante que não pode faltar no meu roteiro em Orlando! Have a T-REXCELLENT day (como eles dizem)!

Bj bj!

O T-REX Café é um restaurante temático que fica em Disney Springs (ex- Downtown Disney), em Orlando.  Pelo nome, já dá pra adivinhar o ...

Rainforest Café: difícil não se apaixonar por esse restaurante!


O Rainforest Café é um dos meus restaurantes preferidos! Ir à Orlando e não fazer uma refeição no Rainforest Café é como se faltasse alguma coisa!

Apesar de gostar muito da comida, confesso que ela é secundária na escolha desse restaurante. Meu principal motivo para ir ao Rainforest é a temática, que encanta as crianças (e os adultos também)! Como o nome já sugere, no “Rainforest” você vivencia a chuva na floresta. 

A decoração é de uma grande floresta, as mesas são cercadas de árvores e animais (elefantes, tigres, macacos, leões, aves, etc). De repente, começa a chover. Sim, realmente cai água nas áreas onde estão os cenários da floresta e os animais se movimentam e emitem sons, como se estivessem procurando abrigo, chamando os seus ou simplesmente comemorando a chuva na floresta! É muito legal ! 


A primeira vez que fomos, nossos filhos ficaram encantados! Percorremos o restaurante todo, para ver a reação de cada animal. Depois da surpresa da primeira vez, você já espera o que vai acontecer. Mas mesmo assim continuamos visitando o Rainforest em toda viagem. Virou tradição!



A decoração também tem aquários enormes e iluminados, com peixes de diversos tipos. As crianças adoram ficar observando os peixinhos.


A comida é tipicamente americana, com diversas opções de carnes com fritas e saladas. Estilo Outback, sabe ? Mas o tempero é diferente. Em geral, é menos picante, mais agridoce. (Os pratos mais apimentados são indicados no cardápio com uma figurinha de pimenta.)

Os pratos são bem servidos. A gente sempre divide. Dois pratos servem bem dois adultos e duas crianças. A opção que eu adoro é a "Ribs, Steak and Shrimp Trio", como já diz o nome, uma combinação de costela, carne bovina e camarão empanado (delicioso!), servida com batata frita e salada de repolho. E detalhe: o refrigerante é refil. Pode beber à vontade!


Além disso, tem que deixar reserva para a sobremesa! Aqui tem uma sobremesa famosa, o Vulcano, que é indescritível! Saborosíssima! Imagina um brownie com muito sorvete e calda, em formato de vulcão... É mais ou menos isso, mas com um sabor especial.


Há 3 unidades do Rainforest na Flórida. Duas ficam em Orlando e uma em Miami.

Em Orlando, uma fica no Animal Kingdom, logo na entrada do parque. Essa unidade tem acesso por dentro e por fora do parque, assim, pode ser frequentada não só pelos visitantes do parque como também por aqueles que só querem mesmo ir ao restaurante.

Essa é a entrada por dentro do parque:


A outra fica em Disney Springs (ex-Downtown Disney). A construção é um show à parte! Olha só que espetáculo!

A terceira unidade do Rainforest fica no Sawgrass Mills, em Sunrise, próximo a Miami. Essa unidade tem o diferencial de ter uma área de aventura para as crianças brincarem enquanto esperamos a mesa.



Também conhecemos o Rainforest Café que fica em Downtown Disney, na Disneyland, em Anaheim, California. 



Todas as unidades têm uma lojinha, com muitos souvenieres, roupas, brinquedos, pelúcias, etc. Dificilmente você sairá do restaurante sem uma lembrancinha. Nem que seja um Cha-Cha, o sapinho que é o mascote do restaurante!

Nos restaurantes de Disney Springs e do Animal Kingdom dá pra agendar reserva no site da Disney World. Se você ainda não conhece, já pode ir pesquisando o cardápio do Rainforest.  

Não preciso nem recomendar o Rainforest Café, né ? 


Bj bj!

O Rainforest Café é um dos meus restaurantes preferidos! Ir à Orlando e não fazer uma refeição no Rainforest Café é como se faltasse a...

De repente, 40... Já é!

Tem expressão mais positiva do que essa na atualidade ?

Já é!

Já é o que ?

Já é agora!

Mas já ?

Parece que foi ontem que eu brincava de panelinha e fazer comidinha; hoje eu fujo o quanto posso da cozinha.

Parece que foi ontem que eu estudava para o futuro; hoje eu sei que o futuro não chegou ainda e que estudar continua sendo a opção.

Parece que foi ontem que eu me achava cercada de tantas amigas que foi difícil escolher 14 para dançar comigo a valsa de debutantes; hoje eu vejo que amigas reais (não virtuais) são tão raras que mal posso contar nos dedos das mãos.

Parece que foi ontem que eu receava que o mundo fosse acabar no ano 2000; hoje eu sei que coincidentemente aquele ano marcou o fim de uma fase da minha vida, para dar início ao primeiro ano do resto da minha vida ao lado daquele que eu amo.

Parece que foi ontem que eu imaginava o que eu faria diferente quando eu fosse mãe, e hoje vejo que penso exatamente como a minha, mas com muito mais dúvidas e inseguranças do que ela parecia ter.

Parece que foi ontem que eu achava que meus pais eram coroas e que a amiga da minha mãe que ousava colocar um shortinho aos 35 era "crente que é gatinha". Hoje eu abro minha gaveta de mulher de 40 e uso a mesma peça, convicta de que ainda sou uma menina!

Foi ontem...
40 anos passaram como se fossem ontem.

E me ensinaram que o hoje é hoje e que amanhã será hoje no tempo certo.

E que por mais que eu planeje o amanhã, ele vai ser diferente do que eu imagino hoje. Se vai ser melhor ou pior, só depende do otimismo com que eu vou encará-lo.

Cada dia é um presente de aniversário! A graça da vida está em desembrulhar e se surpreender!

E mesmo que não seja exatamente o presente que você queria, lembre do que sua mãe dizia: quando receber um presente, sempre agradeça e sorria!

Obrigada, meu Deus!

Já é hoje! E então, vamos fazer o que ? Bora ser feliz ? Já é!


Tem expressão mais positiva do que essa na atualidade ? Já é! Já é o que ? Já é agora! Mas já ? Parece que foi ontem que eu brinc...

Programa diferente no Rio de Janeiro: assistir a gravação do Vai que Cola!


Quem me conhece, sabe que sou louca por séries de TV. Aprendi a gostar na adolescência, com Barrados no Baile, que depois substituí por Friends, na juventude, e desde então por tantas outras, como Grey’s Anatomy, Being Erica, e mais recentemente, Scandal. Sem contar aquelas que quando estou zapeando, acabo assistindo também, como as sitcoms The Big Band Theory, Two and a half man, Modern Family... Não foi à toa que quando viajamos para Los Angeles, não podia faltar na programação a visita aos estúdios da Warner, para entrar nos sets de filmagem das minhas séries favoritas. Sentar no sofá do Central Perk, de Friends, foi demais! Contei sobre essa experiência no post "Los Angeles: Warner Bros Studios Tour".

Aqui no Brasil, o “Vai que cola” pra mim é A sitcom. Com um elenco de humoristas de primeira e humor inteligente, que não precisa ser escrachado demais para ser divertido, o programa, exibido no Multishow, se encaixa perfeitamente naquele horário em que você quer relaxar, no final da noite.


Semana passada, recebi um convite inesperado de uma amiga para assistir à gravação do programa. Imagina se eu ia perder essa chance!

Pois bem, a gravação do programa acontece no Rio de Janeiro, no Riocentro (Pavilhão 1 Portão B. Avenida Salvador Allende, nº 6.555). Tem bastante sinalização no local.

Você chega uma hora antes, uma pessoa na recepção checa seu nome na lista e te dá a pulseira. Aí, é só aguardar a abertura das portas do teatro.

Nós chegamos lá às 19h e as portas foram abertas às 20h. Um profissional coordena o preenchimento do espaço, garantindo 100% de ocupação dos assentos. Depois de todos sentados, ele dá as instruções gerais para a plateia, principalmente sobre como se comportar durante a gravação: não usar o celular, não fotografar ou filmar, não gritar, somente rir e aplaudir. Nada daqueles gritinhos de “Lindo!”, “Gostosa!”... Ou "V... aaaaado!", imitando o personagem Ferdinando! rs

Depois, entrou um humorista que eu não conheço e não é do elenco, mas que muita gente lá conhecia, para fazer um stand up. O cara era engraçado mesmo, foi um aquecimento bem legal. Ele ainda fez graça dizendo que aquela parte era a hora da plateia dar tudo de si, porque os segundos da plateia que vão ao ar, são filmados naquele momento. Realmente, todas as câmeras estavam voltadas para a plateia durante o stand up.

O stand up durou cerca de 20 minutos e foi realmente divertido. Pagaria fácil para assistir ao carinha (que não sei nem o nome)...

Finalmente, câmeras voltadas para o palco, campainha toca, luzes, toque final, ação!

Um a um, os personagens / atores são saudados efusivamente pela plateia, exatamente como acontece no programa. Não é uma gravação simples. Qualquer erro tem que voltar a cena, desde um posicionamento incorreto do personagem, um ruído no microfone, o giro do palco na hora errada, o esquecimento da deixa, enfim... Mas cada pausa vira uma oportunidade para a plateia interagir com o ator que está no palco.

Rola um saudosismo quando a gente assiste o Vai que Cola, porque a sitcom se passa no Méier, bairro onde já moramos! A vista da janela que fica no cenário do programa é exatamente como víamos da nossa janela! 


Fui procurar no site se havia indicação da data desse episódio ser exibido e descobri que será no dia 18 de novembro. Pra completar, ainda é o dia do meu aniversário! Presentão que ganhei da minha amiga!


Se você não tiver a sorte de ganhar um convite de presente, como eu, pode concorrer a vagas para assistir a gravação por email. De acordo com a instrução do site, é só mandar seus dados (nome completo e dos acompanhantes, quando tiver, número de telefone, RG e foto anexada) para plateiasitcom@gmail.com, indicando a data de preferência (veja as datas de gravação no site). Já vou me inscrever para ir de novo!

Assim como eu não perdi a oportunidade de visitar o Warner Studios na minha viagem pra Los Angeles, para quem estiver vindo ao Rio de Janeiro, assistir a gravação do Vai que Cola é uma opção que vale a pena se inscrever para incluir na programação! Nós rimos bastante!


Bj bj!

Quem me conhece, sabe que sou louca por séries de TV. Aprendi a gostar na adolescência, com Barrados no Baile, que depois subst...

Perkins: boa opção de café da manhã em Orlando!


O Perkins é uma rede de restaurantes muito conhecida nos EUA. Ao todo, são 43 unidades espalhadas só na Flórida. Oferece todas as refeições – café, almoço e jantar. Em geral, abre às 6h da manhã e fecha meia-noite, mas algumas unidades funcionam até 2 da manhã.

Eu acho o Perkins uma excelente opção para um típico café da manhã americano bom, bonito e barato! Aquele tipo de refeição que quase vale por um almoço!


O serviço é a la carte. Tem Kids Menu, com opções tão bem servidas que atendem bem a um adulto como eu! Dá só uma olhada no menu.

O preço aqui é um diferencial. Você pode fazer um ótimo café da manhã por US$ 5!


O almoço aqui também é bom, já tivemos a experiência de sair da Legoland e parar num Perkins que fica quase em frente ao parque, para um “almoço” às 17h. Nossa! A minha refeição valeu até o café da manhã do dia seguinte! rs Também, eu escolhi, ovos, bacon, panquecas (como sempre!)... kkk Mas tem opções levinhas também...



Você certamente vai passar em frente a um Perkins. Da última vez que fomos, cadastrei um endereço no GPS, que parecia ser a unidade mais próxima, mal começamos o trajeto, demos de cara com outro, bem mais perto. 

Esses são os endereços que eu tenho cadastrado em Kissimee:

KISSIMMEE I
Perkins Family Restaurant & Bakery
5170 Irlo Bronson Memorial Hwy
Kissimmee, FL 34746
407-396-8960

KISSIMMEE II - MAIN GATE
Perkins Family Restaurant & Bakery
7451 Irlo Bronson Memorial Hwy
Kissimmee, FL 34746
407-396-0845

KISSIMMEE III
Perkins Family Restaurant & Bakery
1600 West Osceola Pkwy
Kissimmee, FL 34741
407-870-0313

No site, você encontra as demais opções de Perkins nos arredores na Flórida

Na dúvida de onde fazer uma refeição rápida, barata e saborosa, vai pro Perkins. 

Bj bj!

O Perkins é uma rede de restaurantes muito conhecida nos EUA. Ao todo, são 43 unidades espalhadas só na Flórida. Oferece todas as refe...

Festa do Pijama para Meninos

Para comemorar o aniversário, meus filhos pediram para reunir seus amigos mais chegados numa noite do pijama em nossa casa.

Mãe de gêmeos, menino e menina, não tive outra opção que não fazer duas noites distintas, uma só dos Bolinhas e outra das Luluzinhas! Poderia fazer junto, numa festa só ? Sim, poderia, mas agradaria menos... Primeiro, porque eles estudam em turmas separadas e, apesar de serem muito unidos, cada um tem a sua galerinha. Fazer uma festa única dentro de um apartamento limitaria à metade os convidados (que já não poderiam ser muitos) de cada um. Além disso, teria que ser um tema unissex ou convergente - já que o espaço físico (ou a falta dele - rs) impediria dois ambientes, dois temas, etc... Sem contar que as atividades preferidas de um menino e uma menina nessa idade já são bem distintas: a menina quer dançar, cantar, brincar de salão de beleza, assistir filme com as amigas... O menino quer videogame, videogame e videogame... (Apesar da mãe não deixar ficar só nisso, claro! kkk)

Vou compartilhar aqui como organizamos a nossa festa do pijama de meninos. 

Fique calma, não tem mistério! Afinal de contas, o que as crianças querem mesmo é estar com os amigos! 

Convite

Dormir na casa de alguém, ainda mais para as crianças, não é algo tão corriqueiro. É natural que as famílias tenham algumas preocupações e que só liberem seus filhos se houver confiança na família que os está recebendo. Independente do convite, o primeiro approach tem que ser através de contato direto com os pais das crianças, para já falar da intenção da festa, sentir se haverá receptividade ao convite, se a criança não tem problema em dormir longe dos pais, até para não frustrar seu filho se um amiguinho não puder participar.

Depois, um convite virtual cai na medida.


Após a confirmação de todos, criar um grupinho no whatsapp é uma boa opção para você fazer um save the date e também para consultar os pais sobre eventuais intolerâncias a algum tipo de alimento que as crianças tenham, para enviar as dicas sobre o que trazer e também para ir transmitindo fotos em tempo real da festa para os pais.


Número de convidados

Quanto maior o número de crianças, maior o staff que você tem que ter para garantir atividade e monitoramento. É claro que a idade das crianças fará toda diferença também, afinal, você não precisará dar banho em crianças de 8 anos, por ex., mas se todo o cuidado é pouco com nossos filhos, imagina com os dos outros!

Além disso, reunir muita gente tira o propósito da festa do pijama, que é justamente a intimidade, fortalecer os laços com os amigos mais chegados. Um número reduzido de crianças pode ser a medida ideal da intimidade e do cuidado.  Assim, optamos por 6 convidados, somando 7 crianças contando com o aniversariante. Tranquilíssimo para nosso staff: eu, o pai e a avó! :)

Decoração

Escolhemos o tema “Acampamento na selva”.

Barraquinhas de acampamento com colchonetes...


Camuflagem espalhada pela sala...


Caixas de papelão...


Bichinhos da floresta para dar um toque de humor...



Lembrancinha

Já que a festa é do pijama, o que não pode faltar ? Pijama, é claro! Então, que tal dar pijamas de lembrança ? E o travesseirinho ?



Outra coisa que não pode faltar se vai dormir fora de casa é o kit de higiene (escova de dente, creme dental e toalhinha). Também compõem como lembrancinha.


E o kit de suprimento ? Para quem está acampado, ter o kit de suprimentos é fundamental!

Na cesta, podem ficar os doces que a turma vai levar pra casa ou o café da manhã*. Você pode escolher. Nós optamos por servir o café da manhã e funcionou bem, as crianças curtiram o café no acampamento.

*Os itens que devem ser conservados na geladeira só podem ser colocados na cesta na hora de servir, claro!



(Dentro de cada cesta: suco de caixinha, achocolatado, iogurte, polenguinho, pãozinho, torrada, pão de mel, bolinho Ana Maria, barrinha de cereal, biscoito goiabinha e maçã)

Cardápio

É festa, né, gente ? Eu sei que por ser em casa, dá aquela vontade de oferecer só coisa saudável... Mas vamos deixar as crianças curtirem, né ?

Então, o que não pode faltar ?
- Nuggets
- Batata frita
- Pizza
- Cachorro-quente
- Pão de queijo
- Pipoca
- Gelatina
- Bebidas

É bom pausar a festa um pouquinho para as crianças comerem, senão, vão brincar a noite inteira e nada de comer!

Atividades

Essa é a parte mais difícil e o ideal é que seu filho ajude a definir, afinal, tem que ser o que ele gostaria de fazer com os amigos. Essa foi a programação que fizemos:

- Lego

Boa pedida para abrir a noite, enquanto os amiguinhos estão chegando.

- Jogos

Meu filho escolheu o Twister, que é um jogo bem interativo e divertido.

- Caça ao Tesouro Pedagógica

Essa atividade foi o ponto alto da festa. Meu marido e minha mãe bolaram uma caça ao tesouro que animou muito as crianças. Basicamente, uma palavra cruzada com uma pista para cada palavra. O número de palavras a preencher regulava com a quantidade de crianças, para que cada uma tivesse o seu enigma. 

Cada criança tirava um enigma, que indicava uma pista de onde estaria escondido o segundo enigma. Nele, estava a charada que a criança precisava decifrar para completar a cruzadinha.


Olha o papelzinho do enigma em cada linha. Havia outro como este escondido pela casa para cada pista, com a charada.

Aí entrava a parte pedagógica: a charada podia envolver assuntos gerais de interesse das crianças como também conteúdo pedagógico. Como o grupo era de amiguinhos da turma da escola, ficou fácil. Teve charada com probleminha de matemática, tema de ciências, português, até alemão (eles estudam alemão na escola)...

Ao completarem todas as palavras da cruzadinha, surgia uma palavra-secreta (na vertical), que era a última pista, indicando o local onde estava escondido o tesouro. A brincadeira encerrava com a descoberta do tesouro.

Pontos fortes:
- o jogo é colaborativo, um amigo pode ajudar o outro a descobrir seu enigma; 
- todos podem procurar o seu enigma ao mesmo tempo, não havendo uma perda de ritmo, como ocorreria se uns ficassem esperando enquanto outros estivessem participando; 
- no final, o resultado depende do grupo, pois a palavra-secreta precisa que todos os enigmas estejam descobertos.

Importante: o tesouro precisa ser uma recompensa coletiva, afinal a atividade é coletiva. A escolha depende do perfil do grupo. No nosso caso, como os meninos adoram videogame, o tesouro era uma caixa onde estavam guardados todos os joysticks. Eles adoraram encontrar o tesouro, pois isso significava que era a hora do videogame!

Após a festa, quando perguntei ao meu filho o que mais tinha gostado, ele disse que tinha sido da caça ao tesouro. Algo simples, mas que agradou!

- Videogame

Importante ser jogo coletivo, para que todos possam jogar juntos. Ou, como a maioria dos jogos só dá no máximo 4 jogadores, que pelo menos se tenha outras opções para os meninos que ficarem de fora da rodada, como tablets.

- Sessão cinema

A escolha do filme não é fácil, então para minimizar a indecisão, uma dica é pedir para o aniversariante escolher 3 opções antes da festa e deixar o grupo votar na hora. Você reduz as opções e não corre o risco do aniversariante não gostar do filme escolhido.

- Contação de estória

Essa parte foi muito engraçada. Depois do filme (já passava de 1h da manhã), as crianças ainda estavam acesas! Meu marido começou uma contação de estória em que cada um continuava a narrativa. A estória que ele contou era de um grupo de amigos que foi a um parque de diversões e de repente a montanha-russa abriu um portal para uma outra dimensão, um outro mundo. Lá eles receberam armas mágicas para se proteger dos perigos e tinham que enfrentar vários desafios para descobrir o caminho de volta para casa... Qualquer semelhança com “Caverna do Dragão” não é mera coincidência! E os meninos se amarraram na estória que o tio “inventou”... kkkk

Encerramento

Só no dia seguinte, depois do café da manhã.

Após o café, o Parabéns pra você encerra festa!

É legal convidar os pais dos amigos para já participarem deste momento do parabéns e não somente buscar as crianças. Também chamamos os familiares mais próximos pra participar do parabéns, como os padrinhos.



Espero que essas dicas ajudem na preparação da sua festa. Meu filho aproveitou muuuuito a noite do pijama com os amigos! E a mãe aproveitou muito mais! É mais cômodo fazer uma festa numa casa de festas, com buffet e etc, mas cuidar de cada detalhe e participar da bagunça com a criançada, não tem preço!

Veja no outro post como foi a festa do pijama dasmeninas!

Bj bj!

Para comemorar o aniversário, meus filhos pediram para reunir seus amigos mais chegados numa noite do pijama em nossa casa. Mãe de gêm...

Aluguel de temporada em Orlando

Sempre que a gente vai viajar pra Orlando, as dúvidas começam: onde se hospedar, em hotel dentro ou fora do complexo Disney ? Se fora, apartamento ou flat ? Com ou sem café da manhã ? Com ou sem cozinha completa ? Sem contar localização, variação de preços, etc etc etc... Essas perguntas se tornam ainda mais relevantes se você vai com crianças. 

Esse ano, colocamos mais uma pergunta em pauta: vale a pena mesmo ficar em hotel ?

Refletimos muito e acabamos optando pelo aluguel de temporada. Qual a vantagem ?

. Conforto de uma casa, com todos os recursos necessários: cozinha completa, quartos independentes,  piscina privativa, garagem, etc;
. Não ter hora de café da manhã, coisa que meu marido detesta (rss);
. Experiência de viver como local;
. Segurança de um condomínio, com toda infraestrutura (esse item foi essencial, pois estava com meus pais, que não falam inglês e nem todo dia queriam ir para os parques. Assim, eles puderam ficar como se estivessem em casa, com espaço, segurança e conforto);
. Poder juntar um grupo maior, integrando melhor os viajantes.

Nosso grupo era de 10 pessoas, 4 casais e 2 crianças. Alugamos uma casa grande, com 5 quartos, num condomínio maravilhoso, arborizado e super seguro. O nome do condomínio era Veranda Palms, em Kissimmee.



Olha só que casa!












Fizemos a contratação pelo site temporada em Orlando, que é de um brasileiro e cuja empresa fica em SP. Todo o trâmite contratual acontece aqui no Brasil, o que dá mais segurança (porque o contrato é regido pelas leis brasileiras), e você pode tratar tudo em português, sem risco de termos técnicos em inglês te colocarem numa furada. Além disso, tem suporte local de brasileiros para qualquer necessidade durante sua estada.

No site, tem opções de casas de diversos preços e perfis, com mais ou menos quartos, em diferentes condomínios. É só pesquisar e escolher a opção que melhor atende ao seu grupo.

Se você tiver pouco tempo para pesquisar, pode usar o atendimento telefônico, dar o briefing do que a casa precisa ter, que eles enviam por email opções que atendam ao demandado.

O valor da diária foi US$ 210,00. Caro ? Depende... Pense que são 4 famílias, ou seja, US$ 52,50 por família, num espaço muito maior e mais confortável que um quarto de hotel. Ou seja, sai mais barato do que ficar num hotel econômico. Adiciona-se a esse valor a taxa de 13% (imposto) e uma taxa única de limpeza, de US$ 115,00.

O pagamento é de 20% no ato da reserva (câmbio do dia da reserva) e o saldo até 32 dias da data da viagem (câmbio da data de conversão).

Uma coisa interessante é que tudo foi feito sem nenhum contato pessoal. Escolhemos on line, tiramos dúvidas por email e telefone, o contrato foi assinado, registrado e enviado pelos Correios e recebemos todas as instruções por email. Não houve nem a "entrega das chaves",  pois tanto a entrada do condomínio como a porta da casa abriam por fechadura eletrônica, com código numérico. Recebemos um email com os códigos e pronto. Legal que todo o grupo podia ter a "chave".

Logo na chegada, tinha um documento de check-in, com instruções gerais do condomínio,  como o dia de tirar o lixo reciclado ou o lixo orgânico, e telefones de emergência. Tudo bem simples.

Além de todo conforto, dava para aproveitar a piscina privativa,  antes ou depois dos parques...



Na hora exata do check out, uma profissional da equipe foi fazer a vistoria na casa e autorizar a entrada da equipe de limpeza. Tudo cronometrado, porque novos hóspedes entrariam naquela tarde. Não precisamos acompanhar nada, saída sem qualquer burocracia. 

Foi uma experiência maravilhosa "morar" em Orlando! Difícil foi voltar à realidade do nosso apartamento depois de 13 dias lá! J

Esse post não é patrocinado, estou apenas relatando a nossa experiência, como faço sempre. Se você procura um aluguel de temporada, posso dizer que deu tudo certo na nossa locação pelo site Temporada em Orlando e que faria novamente.

www.temporadaemorlando.com.br
​​Tels.: (11) ​3197-4641/ ​(21) 3500-1594 / (31) 3956-0804​ / (51) 3500-0848 / (71) 3500-1443

Bj bj!

Sempre que a gente vai viajar pra Orlando, as dúvidas começam: onde se hospedar, em hotel dentro ou fora do complexo Disney ? Se fora, apa...